Pular para o conteúdo principal

Coisas da Copa

Há coisa que só vemos na TV e até que aconteçam ao nosso lado não passam de coisas “que se vê na televisão”.
Há besteiras que ouvimos que não acreditamos até que ganhem proporções que saem do controle de quem falou a besteira.
Ano 2014. Ano de Copa no Brasil. Você ouve coisas que ficam difíceis de acredita.
Luciano Hulk, o benfeitor. Com seu programa “Caldeirão do Hulk” que poderia se chamar “Abre as portas da esperança” em muitos de seus quadros. O “bom moço” ou “bom senhor” já que ele não é tão jovem assim. Casado, pai de três filhos. É casado com a “Vou de Taxi” Angélica. Postou uma dessas joias que ficarão para a posteridade.
Diferentes de algumas joias que nossos políticos falam ao longo dos anos. Algo como:
“Relaxa e goza” da na época Ministra do Turismo Marta Suplicy referente à Crise aérea de 2007.
“Estrupa, mas não mata” do então Prefeito Paulo Maluf... Se continuarmos listando não vamos parar de escrever.
O “bom moço” fez melhor que qualquer um de nossos políticos que a final falam, nem sempre postam. Ele escreveu na sua página do facebook para não temos dúvidas. O que foi removido, diante do barulho provocado E tirar as conclusões que quisermos:
Carioca? Solteira? Louca para encontrar um príncipe encantado entre os “gringos” que estão invadindo o Rio de Janeiro durante a Copa?
Chegou a sua hora... manda fotos e pq vc quer um gringo “sob medida” este email:

namoradaparagringo@globalmail.com” ~ Texto postado em 25/06/2014 e deletado em seguida.


Seria uma incitação a exploração sexual? Usando a maquiagem de namoro?
Do meu ponto de vista, sim. É uma apologia a exploração sexual. Sinceramente, eu fiquei decepcionado com essa atitude do “bom moço” que cheguei a admirar. Não sei qual foi sua ideia no momento, mas sinceramente... Péssimo!
E para corroborar com isso, estou eu no Shopping Paulista, na fila do All Parmegiana, fazendo o pedido de uma refeição para mim e minha esposa. Quando vejo um mexicano, tenho certeza disso, pelo espanhol que falava; “chavecando” de maneira tão escrota a moça que estava pegando os pedidos dos clientes que beirava a baixaria com seus gestos nada singelos... E ouvindo a moça falar “Não moço, não fala isso!”.
Um portunhol nojento e entendível. Minha esposa foi procurar um lugar para sentar. Pensei: O que fazer agora se a moça que deveria dar um basta! Não o faz!
Eu fiquei olhando para ela para ver se pedia ajudar ou coisa assim... Quando o amigo dele chegou e com um gesto mostrou para ele que as pessoas não estavam gostando. E o infeliz parou. Finalizando uma vergonha alheia da mais incomodas de se sentir. Não vou escrever o que pensei na hora.
Isso aconteceu em São Paulo e o “bom moço” falou para as cariocas, mas chegando ao Brasil, você acha que isso vai fazer diferença para quem vem de fora para ver a copa?!
Eu acho que a mulher brasileira tem que se valorizar acima de tudo e tirar essa figura ridícula que muitos idiotas insistentemente impingem a elas. Não estamos em um país que as mulheres são tratadas como um “nada” e não tem voz. Aqui temos mulheres em várias posições de destaque e importância. E os homens descentes desse país tem que protegê-las, pelo simples posicionamento ético. Imagine a cena bestial acontecendo sem o consentimento de sua filha?!
Não sou contra os “chavecos”, a cantada. Havendo consentimento e respeito. Não vejo problema nisso. Mas da maneira que foi feita foi ridícula.
Resultado da apologia a exploração sexual do “bom moço”? Não tenho como confirmar, mas que as duas partes da história são ridículas não tenho dúvida disso.
Não gosto de escrever sobre esse tipo de tema, mas me incomodou muito isso.
Fique à vontade para deixar seus comentários...
Muito Obrigado por ler Meu Blog e até me próximo texto!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Você não gosta de ser fotografado.

Não poderia deixar de escrever esse texto... É mais um registro para pequenas coisas que acontecem em nossas vidas que merecem um registro para posteridade, ainda mais que temos tantas e tantas formas de manter nossas vidas registradas e compartilhadas. Oscar Niemeyer viveu 104 anos e faltando 10 dias para completar seus 105o. Aniversário, veio a falecer e deixou a seguinte mensagem: “... Porque eu acho que a vida é assim. A gente tem que separar as coisas. A vida é chorar e rir a vida inteira. Aproveitar os momentos de tranqüilidade e brincar um pouco. Depois, os outros é aguentar. A vida é um sopro né?”. Antigamente tirar uma fotografia era coisa tão cara que as fotografias eram póstumas. Essas fotos se chamavam Post Mortem. A foto era tirada da pessoa morta como se estive viva. Eles vestiam o morto e colocava em uma posição, como se estive vivo e fotografavam. Com o passar dos anos e a evolução tecnológica qualquer celular básico tem uma câmera. E os smartphones tem capacidade de tira…

Você sabe o que é miopia de alto grau? Fale como o Ramiro Diz.

Tenho um amigo que trabalha comigo que usa óculos desde de os sete anos de idade. Como ele morou  em Portugal... Seus parentes são portugueses.. Oras pois!

Ramiro Diz pá! é o nome do gagio!


Hoje, ele usa 22,0 graus de miopia. Me contou que usa óculos desde os 7 anos de idade. Seu grau de miopia nesta idade já chegava aos 12 graus.

Quando foi ao oftamologista pela primeira vez, este receitou inicialmente um grau abaixo do que ele usava para que se acostumasse com o óculos. Um pouco de psicologia infantil para ajudar o menino a enxergar e brincar.

Eu também sou miope, uso 4 graus de miope em ambos os olhos, comecei a usar óculos aos 18 anos  de idade, mas nestes números o Ramiro saiu na frente disparado logo ao 7 anos de idade... 12 graus! é muita coisa!

Mas graças a tecnologia podemos enxerga com tranquilidade, usando um belo e estiloso de um par óculos.

Hoje óculos é item de moda, tem muitas pessoas que usam a armação apenas como adereço... Isso mesmo! Usam o óculos sem grau! Só pra f…

MATANDO UM LEÃO POR DIA...

Eu gosto de escrever meu próprios artigos, mas algumas vezes recebemos alguns emails que trazem consigo uma lição de vida tão interessante, que alguns que recebo, passei a colocá-los no Blog. 
Eu estava na casa da Minha Elaine, quando ela começou a ler o texto em voz alta, estando ela sentada no chão na sala. Não posso negar que ela me conhece bem, tenho certeza que ela o fez sabendo que isso iria me chamar a atenção. Pensei... Por traz deste texto tem algo interessante. Assim que ela terminou o texto, falei: Manda pra mim por favor?
Bom... Veja o texto na integra...

MATANDO UM LEÃO POR DIA ... Em vez de matar um leão por dia, aprenda a amar o seu. Por Pierre Schurmann
Outro dia, tive o privilégio de fazer algo que adoro: fui almoçar com um amigo, hoje chegando perto de seus 70 anos. Gosto disso. São raras as chances que temos de escutar suas histórias e absorver um pouco de sabedoria das pessoas que já passaram por grandes experiências nesta vida.
Depois de um almoço longo, no qual falamos…