Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2014

Coisas da Copa

Há coisa que só vemos na TV e até que aconteçam ao nosso lado não passam de coisas “que se vê na televisão”. Há besteiras que ouvimos que não acreditamos até que ganhem proporções que saem do controle de quem falou a besteira. Ano 2014. Ano de Copa no Brasil. Você ouve coisas que ficam difíceis de acredita. Luciano Hulk, o benfeitor. Com seu programa “Caldeirão do Hulk” que poderia se chamar “Abre as portas da esperança” em muitos de seus quadros. O “bom moço” ou “bom senhor” já que ele não é tão jovem assim. Casado, pai de três filhos. É casado com a “Vou de Taxi” Angélica. Postou uma dessas joias que ficarão para a posteridade. Diferentes de algumas joias que nossos políticos falam ao longo dos anos. Algo como: “Relaxa e goza” da na época Ministra do Turismo Marta Suplicy referente à Crise aérea de 2007. “Estrupa, mas não mata” do então Prefeito Paulo Maluf... Se continuarmos listando não vamos parar de escrever. O “bom moço” fez melhor que qualquer um de nossos políticos que a final fala…

A história de Bill e Ball

Estava passando pela Praça dos Expedicionários próxima a Avenida Brás Leme em Santana em São Paulo.  Vi dois cães brincando de morder um ao outro. Percebi que os cães estavam felizes. Cães que não pareciam de raças conhecidas, mais pra vira-latas que parecidos com alguma raça. Não sou especialista em saber de qual raça um cão pertence. Aqui me lembrou a historia de Bill e Ball. Essa história é tão antiga que não me lembro com perfeição os detalhes dela. Mas me lembro do veio e final dela. Ao lado da casa de Sr.Norival, avô de meus filhos, na Rua Biri em Itaquera, havia um vizinha que a chamavam de “Linda”. Ela tinha dois cães, um vira-lata chamado Bill e um pequenino que não me lembro do nome que deram a ele. Lembro-me mesmo é dos maus tratos que o Bill impunha ao pequeno cachorrinho. Sempre se ouvia os gritos da vizinha com o Bill para soltar o pequeno. E assim era. Quando colocavam comida para o Bill e o cãozinho vinha para comer junto; Bill rosnava e o pequenino se encolhia e fica ag…