Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Março, 2014

Acreditar em pessoas

Há frases que você ouve que demoram para serem digeridas.
Elas fazem você se questionar o tempo todo. E no meu caso, a única maneira de fazer elas se calarem é escrever.
Um frase que ouvi que realmente me incomodou: “Adalberto você é muito inocente. Acreditar em pessoas?!!”
Se acreditar em pessoas me faz um inocente então sou mesmo inocente. Do meu ponto de vista quem não acredita em pessoas não acredita em si mesmo. Jamais terá coragem de se doar para ensinar o outro a ser melhor ou ser portador de esperanças.
Um professor no Brasil só está em uma sala de aula de uma escola pública de ensino fundamental pelo simples fato de acreditar em pessoas. É porque ele acredita em pessoas, no ser humano, que continua educando e fazendo as acreditarem em um futuro melhor.
Algumas coisas só existem porque pessoas acreditam em pessoas, a pesar de algumas vezes as coisas não saírem como esperado. Se as pessoas não acreditarem nas outras até que se provem serem confiáveis nada vai funcionar. Acreditamos e…

Coisas que não se explica

Vou começar o texto com uma das falas de minha mamãe a respeito de um questionamento que fiz a ela: “Filho, isso vai ser assim mesmo. Mesmo que todos queiram mudar não vai. Já vi muitas vezes isso nessa minha vida. Só por Cristo mesmo que pode mudar”.
Há coisas que não se explica. E se tentar explicar a prática não dá sustentação à teoria.
Quando George Bush assumiu o governo americano como o 43º. Presidente dos Estados Unidos. Assumiu seu mandato em 20 de Janeiro de 2001. E os Estados Unidos vinha de vento em polpa com um governo anterior envolvido em escândalos sexuais, mas com uma economia que não havia o que falar, Bill Clinton havia deixado o “barco” na direção certa e carregado de peixes. Ao completar sete meses faltando poucos dias para completar seu oitavo mês de mandato eis que aconteceu a tragédia de 11 de Setembro. A partir daquele ponto já sabíamos que o governo dele jamais seria o mesmo. E que o mundo a partir da li não seria mais o mesmo.
O ser humano não tem o raciocínio c…