Pular para o conteúdo principal

Amor e Ódio


Sentimentos antagônicos com forças contrárias, porém muito parecido um com o outro no que tange a estrutura. Calma! Já explico.
Quando uma pessoa sente ódio por outra pessoa, ela se mantém liga àquela pessoa por um sentimento mal. Quando a pessoa que sente ódio, vê a pessoa odiada, seu coração se inflama de um sentimento mal, ruim. Que por vez, faz com que a pessoa deseje que aconteça algo de mal a outra pessoa, algo de ruim. Por vez, até a morte da outra pessoa. Não estou falando de impulso, ou ódio instantâneo, mas ódio no sentido de sentimento nutrido, cultivado, ódio secular. Esse sentimento mantém de alguma forma, um ligado ao outro. Não importa a característica... Você pode não concordar, mas ainda assim, se manterá ligado a uma pessoa se a odiar.
Amor... Quando uma pessoa sente amor por outra pessoa, ela se mantém liga àquela pessoa por um sentimento bom. Quando a pessoa que sente amor, vê a pessoa amada, seu coração se inflama de um sentimento bom. Que por vez, faz com que a pessoa deseje que aconteça algo de bom a outra pessoa, algo maravilhoso. Por vez, até a vida eterna da outra pessoa. Não estou falando de impulso, ou amor a primeira vista, mas amor no sentido de sentimento nutrido, cultivado, amor eterno. Esse sentimento mantém de alguma forma, um ligado ao outro. Não importa a característica... Você pode não concordar, mas ainda assim, se manterá ligado a uma pessoa se a amar.
Amor e Ódio podem ser sentimentos contrários, mas mantêm as pessoas ligadas, ou por um sentimento bom ou por um sentimento ruim... Mantém as pessoas ligadas, não adianta.
Assim, são todas as coisas, você pode escolher... Se manter ligado por um sentimento bom ou se manter ligado por um sentimento ruim. Veja o quão sábias são essas palavras:
“E eu te darei as chaves do reino dos céus; e tudo o que ligares na terra será ligado nos céus, e tudo o que desligares na terra será desligado nos céus.”
Matheus 16:19
Para cada um dos sentimentos existe uma chave que liga ou desliga. Se amar ou odiar se mantem ligado. Embora possa acreditar que odiando alguém que já tenha amado, possa desligar-se da pessoa, infelizmente isso não acontece, sempre que lembrar da pessoa, a onda de sentimento retoma força, não importa quanto tempo passe.
O sentimento de amor o mantem ligado e faz bem, o sentimento de ódio o mantém ligado e o faz mal.
O inimigo do amor ou do ódio é a indiferença. Quando uma pessoa ama ou odeia a outra e sofre indiferença, a outra pessoa não tem conhecimento do sentimento, logo não tem conhecimento do outro e este sofre por si.
Quem sente ódio toma veneno para outro morrer. E como o ódio é o próprio mal... Morre.
Quem sente amor toma banho de perfumes. E como o perfume exala cheiro bom, afinal o amor é o próprio bem... Faz bem a quem tem e a quem o deseja.
Assim como uma ação ruim pode inverter as polaridades, ou seja, uma pessoa que ama pode passar a odiar a outra. Existe uma palavra que conecta um sentimento que inverte a polaridade de ruim para bom... De ódio para amor: O Perdão.
Quem perdoa, desliga-se de coisas ruim para se ligar em coisas boas. E quando o perdão vem com sentimento de compaixão, amor universal. Além de inverter o sentimento ruim, ele o liga ao Amor de Deus e o torna livre. Só o verdadeiro perdão carrega consigo esse segredo.
Você pode não acreditar em Deus, mas sabe que perdoar significa esquecer algo ruim e não esquecer algo bom. Pode não acreditar em nada do que foi escrito, mas ao ler a palavra PERDÃO, alguma coisa acontece dentro de você, que você tenta negar.
Que conversa longa... Bom... Vou ficar por aqui...
Muito Obrigado por ler Meu Blog e até meu próximo texto!
Fique a vontade para deixar seu comentário.

Comentários

  1. Sensacional!!
    Se a pessoa perdoar a si mesmo, já está dando o primeiro passo, pois muitas vezes o ódio ao outro é apenas consequencia de não aceitar que o tempo não volta. E por mais que a pessoa insista em nutrir esse sentimento ruim, não irá desfazer o que ocorreu.

    Abs.

    Bruno José Patrussi

    ResponderExcluir
  2. "Deve-se temer mais o amor de uma mulher, do que o ódio de um homem." Sócrates

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Você não gosta de ser fotografado.

Não poderia deixar de escrever esse texto... É mais um registro para pequenas coisas que acontecem em nossas vidas que merecem um registro para posteridade, ainda mais que temos tantas e tantas formas de manter nossas vidas registradas e compartilhadas. Oscar Niemeyer viveu 104 anos e faltando 10 dias para completar seus 105o. Aniversário, veio a falecer e deixou a seguinte mensagem: “... Porque eu acho que a vida é assim. A gente tem que separar as coisas. A vida é chorar e rir a vida inteira. Aproveitar os momentos de tranqüilidade e brincar um pouco. Depois, os outros é aguentar. A vida é um sopro né?”. Antigamente tirar uma fotografia era coisa tão cara que as fotografias eram póstumas. Essas fotos se chamavam Post Mortem. A foto era tirada da pessoa morta como se estive viva. Eles vestiam o morto e colocava em uma posição, como se estive vivo e fotografavam. Com o passar dos anos e a evolução tecnológica qualquer celular básico tem uma câmera. E os smartphones tem capacidade de tira…

Você sabe o que é miopia de alto grau? Fale como o Ramiro Diz.

Tenho um amigo que trabalha comigo que usa óculos desde de os sete anos de idade. Como ele morou  em Portugal... Seus parentes são portugueses.. Oras pois!

Ramiro Diz pá! é o nome do gagio!


Hoje, ele usa 22,0 graus de miopia. Me contou que usa óculos desde os 7 anos de idade. Seu grau de miopia nesta idade já chegava aos 12 graus.

Quando foi ao oftamologista pela primeira vez, este receitou inicialmente um grau abaixo do que ele usava para que se acostumasse com o óculos. Um pouco de psicologia infantil para ajudar o menino a enxergar e brincar.

Eu também sou miope, uso 4 graus de miope em ambos os olhos, comecei a usar óculos aos 18 anos  de idade, mas nestes números o Ramiro saiu na frente disparado logo ao 7 anos de idade... 12 graus! é muita coisa!

Mas graças a tecnologia podemos enxerga com tranquilidade, usando um belo e estiloso de um par óculos.

Hoje óculos é item de moda, tem muitas pessoas que usam a armação apenas como adereço... Isso mesmo! Usam o óculos sem grau! Só pra f…

MATANDO UM LEÃO POR DIA...

Eu gosto de escrever meu próprios artigos, mas algumas vezes recebemos alguns emails que trazem consigo uma lição de vida tão interessante, que alguns que recebo, passei a colocá-los no Blog. 
Eu estava na casa da Minha Elaine, quando ela começou a ler o texto em voz alta, estando ela sentada no chão na sala. Não posso negar que ela me conhece bem, tenho certeza que ela o fez sabendo que isso iria me chamar a atenção. Pensei... Por traz deste texto tem algo interessante. Assim que ela terminou o texto, falei: Manda pra mim por favor?
Bom... Veja o texto na integra...

MATANDO UM LEÃO POR DIA ... Em vez de matar um leão por dia, aprenda a amar o seu. Por Pierre Schurmann
Outro dia, tive o privilégio de fazer algo que adoro: fui almoçar com um amigo, hoje chegando perto de seus 70 anos. Gosto disso. São raras as chances que temos de escutar suas histórias e absorver um pouco de sabedoria das pessoas que já passaram por grandes experiências nesta vida.
Depois de um almoço longo, no qual falamos…