quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Como funciona o Treinamento a distância


Como disse em De Ensinoa distância para Treinamento a distância, li na revista Contra Relógio, uma revista especializada em corridas, a matéria “Treinamento à distância Funciona?”. Esta materia esta na secção “Tudo em Cima” e foi escrita por André Savazoni. A edição da revista é a de No.215 de Agosto 2011.
Embora todo o conteúdo da Revista seja bem claro, mostrando os prós e os contras e vários outras informações interessantes. Nada como conversar com quem faz esse tipo de treinamento, ou seja, “Treinamento a distância”.
Flávio José, um triatleta amador com um currículo respeitado na prática do esporte fez um resumo de como funciona esse tipo de treinamento.  Veja como é isso nas próprias palavras do atleta:
“Fala Fera, vamos lá!
Treinamento a distância se resume a receber uma planilha com todos os treinos detalhados e o atleta seguir no local e horário que o atleta definir.
É valido lembrar que para se fazer um treinamento a distância o atleta deve ter uma base  e ter feito um treinamento presencial com o treinador para aprender as técnicas padrões. Sem antes ter feito isso o atleta poder treinar de maneira incorreta e sofrer até mesmo lesões, ser ter um ganho em performance ao longo do tempo.
Algumas Vantagens :
1. Treino feito em qualquer lugar e horário.
2. Menor custo.
3. Treino pode ser adaptado por email ou telefone, pois não há a necessidade da presença do técnico.
Algumas Desvantagens :
1. Treina na maioria das vezes sozinho.
2. Não ter infraestrutura nas provas quando a Assessoria esta muito distante e não tem representante na prova que o atleta tem em seu calendário.
3. Custo com ligação para conversar com o técnico quando necessário.
No meu caso que trabalho com tecnologia e tenho uma agenda conturbada durante toda a semana, o treinamento a distância foi a solução pois encaixo meus treinos entres minhas atividades com trabalho e família , sem que nenhum dos pilares sejam afetados e eu consiga ter bons resultados em minhas competições.
É isso ai Brother ... espero que isso possa contribuir com o que precisa.
Keep TRI”
Contribuiu e muito... Muito Obrigado Meu Brother Flávio José.
Então agora é com você! Bora lá!?!
Obrigado por ler Meu Blog e até meu próximo texto.


Um comentário:

  1. Eu recomendo a participação em diversas provas ao longo do ano, tanto realizando a inscrição quanto na categoria de "Pipoca" ou penetra, pois isso ajudará muito incentivando ainda mais o gosto pela corrida e melhora no desempenho. Eu lembro muito bem da minha 1º corrida a pé (1º Prova do Diário Popular - 10Km em 07/11/99), a qual participei após um convite de um amigo que sempre andava de bike comigo, depois dessa peguei gosto pela coisa e nunca mais deixei de participar de inúmeras corridas.
    Devido aos elevados custos que hoje em dia estão cobrando nas inscrições, estou optando por participar como "pipoca", ou seja não faço a inscrição, e corro junto com a galera, me beneficiando do fato das ruas estarem fechadas para o trânsito e ter a companhia de centenas de outros corredores e amigos ao meu lado.

    Abraços

    Bruno José Patrussi

    ResponderExcluir