Pular para o conteúdo principal

Santiago – Chile

Estive no Chile e gostaria de compartilha minha estada por Santiago e aproveitar pra deixar algumas dicas sobre um passeio por aquele país que gostei muito.

Aproveitei para conhecer outras cidades do Chile; cidades que fazem parte do roteiro turístico do país. Estivemos em: Viña del Mar e Valparaiso.

Ainda conhecemos outros pontos como Valle Nevado e a Viña Conha y Toro.

Fui no mês de Abril e neste mês do ano, o clima é bem gostoso. Não é um frio absurdo e ainda durante o dia você chega a pegar um sol bem quente. As diferenças de temperatura entre o dia e a noite, com certeza deve chegar perdo de 10ºC. Pela Manhã são 12º.C, a tarde 22º.C e a noite 10º.C...  Achei interessante.

Nossa proposta foi andar a pé de uma ponta a outra do metrô... Partindo da primeira estação da linha vermelha até a última (Los Domínicos).

Pegamos um daqueles guias que toda cidade turística tem e saímos a caça dos pontos riscando um-a-um e tirando foto de cada toten de estação de metrô... E de cada ponto visitado. Conversamos com as pessoas nas ruas, nos restaurantes, nos hotéis... Nosso interesse foi conhecer também como o povo do Chile vive.

O que achei interessante... Quase tudo o que compramos, não precisamos pedir nota fiscal... Só não me deram nota fiscal em duas situações: Quando comprei uma Linda Rosa Azul pra Elaine em uma banca na Rua e outra quando comprei uma garrafa de água na banca de Jornal. No mais... tudo... tudo eles de dão nota fiscal.

Na maioria dos lugares que fomos as pessoas não conheciam o dinheiro brasileiro (R$ Real), mas com um cartão internacional isso não é um problema, todos os lugares ou a maioria deles você pode pagar com cartão. Então, chegando no aeroporto troque tudo por moede local, o peso chileno. Você vai estranhar os número... $1.000 = R$ 4,00.

Eles tem um ditado que percebemos pelo bom tratamento que dão a nós brasileiros: “Os argentinos são irmãos. Os brasileiros são amigos. Irmão a gente não escolhe!”. São muito educados e não tenho mesmo o que reclamar quanto ao tratamento que deram a nós brasileiros.

Eles tem um serviço de aluguel de bicicletas que é muito legal, você aluga uma bicleta e pode deixar em quer outro ponto de aluguel. Conversei com algumas pessoas e elas usam como meio de transporte pra trabalhar. Bikes bem arrumadinhas... Tem pessoas que alugam só pra dar uma volta pelas avenidas e voltar.

Santiago é uma cidade muito limpa. Conversando com o guia, ele comentou que nas escolas as crianças são educadas a não jogarem lixo na rua e a levar no bolso quando não tiver uma lixeira por perto. E isso deu pra ver que a grande maioria deve ter aprendido.

Um dos pontos que gostamos muito foi o Restaurante Giratório. Você entra no restaurante e vai girando bem devagar, de maneira que você pode ver toda a cidade. Como tinha muitos brasileiros, as músicas eram de Toquinho e Vinícius e alguns outros em estilo Bossa Nova... Assim Sensacional! Pensa num clima bem confortável e gostoso... Aquele foi, sem dúvida alguma, o momento do passeio que pode assim definir como: o mais romântico. Com certeza vai ficar em nossas mentes.

Concha y Toro. Um lugar com estilo poderoso chefão. Muito lindo e muito agradável mesmo. Você vai ter uma aula sobre vinho sem igual e se aprecia um vinho vai gostar. Você ganha uma taça da Viña Concha y Toro de presente no passeio...

Valparaiso. Uma cidade portuária e colorida, com uma vista muito bonita do Oceano Pacífico...

Vinã del Mar. Cidade de veraneio do chileno, mas entrar naquale mar... vixxiii é frio pra caramba!



Vale Nevado. Que pena! Lindo mas quando fui não tinha neve... vou voltar lá e conto como é lá com muita neve!

Sinceramente, poderia ficar aqui escrevendo e escrevendo... veja algumas fotos!



Fique a vontade para comentar...

Obrigado por ler Meu Blog!
Até meu próximo texto!

Comentários

  1. Puuuuuxa Adalba, muito legal, mas este tipo de postagem não dá p/ criar uma polêmica.
    A verdade é que parece muito legal mesmo, mas não é um lugar que me chama atenção, prefiro locais quentes com praias onde é possível tomar um banho de mar.

    ResponderExcluir
  2. Da hora Brother, to com umas milhas ae, depois deste post, deu até vontade de também fazer um passeio pra esses lados!
    Flw

    ResponderExcluir
  3. Legal meu irmão, se Deus quiser ainda vou visitar o Chile!

    ResponderExcluir
  4. Pois, Adalberto, estive em Santiago no final de 2009 (tenho um amigo da HP trabalhando e morando por lá). Passei 10 dias, 5 dos quais trabalhando remotamente do escritório da HP, fora Santiago, conheci apenas ValParaiso. Você esteve em alguma das casas do Neruda? E no Museu de Belas Artes? Não visitei a Casa de La Moneda, pois estava fechada para a montagem da exposição dos Guerreiros de Terracota. Sim, a cidade é limpa e o povo educado, mas fica a pergunta: porque não podemos ser iguais?

    ResponderExcluir
  5. Adalba, trabalhei por 5 meses em Santiago no Chile, e adorei o país as pessoas e a cultura, recomendo a todos conhecerem nossos vizinhos, e para quem nunca viu neve, a dica é ir no final da temporada lá para Agosto, dá para esquiar e brincar na neve igual criança e ainda pagando bem menos que na alta temporada.

    Quem tiver curiosidade aproveita para correr logo pela manhã pelos morros da cidade e perceberá uma enorme surpresa em relação a uma corrida semelhante em São Paulo na mesma época do ano.

    Abraços

    Bruno

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

Você não gosta de ser fotografado.

Não poderia deixar de escrever esse texto... É mais um registro para pequenas coisas que acontecem em nossas vidas que merecem um registro para posteridade, ainda mais que temos tantas e tantas formas de manter nossas vidas registradas e compartilhadas. Oscar Niemeyer viveu 104 anos e faltando 10 dias para completar seus 105o. Aniversário, veio a falecer e deixou a seguinte mensagem: “... Porque eu acho que a vida é assim. A gente tem que separar as coisas. A vida é chorar e rir a vida inteira. Aproveitar os momentos de tranqüilidade e brincar um pouco. Depois, os outros é aguentar. A vida é um sopro né?”. Antigamente tirar uma fotografia era coisa tão cara que as fotografias eram póstumas. Essas fotos se chamavam Post Mortem. A foto era tirada da pessoa morta como se estive viva. Eles vestiam o morto e colocava em uma posição, como se estive vivo e fotografavam. Com o passar dos anos e a evolução tecnológica qualquer celular básico tem uma câmera. E os smartphones tem capacidade de tira…

Você sabe o que é miopia de alto grau? Fale como o Ramiro Diz.

Tenho um amigo que trabalha comigo que usa óculos desde de os sete anos de idade. Como ele morou  em Portugal... Seus parentes são portugueses.. Oras pois!

Ramiro Diz pá! é o nome do gagio!


Hoje, ele usa 22,0 graus de miopia. Me contou que usa óculos desde os 7 anos de idade. Seu grau de miopia nesta idade já chegava aos 12 graus.

Quando foi ao oftamologista pela primeira vez, este receitou inicialmente um grau abaixo do que ele usava para que se acostumasse com o óculos. Um pouco de psicologia infantil para ajudar o menino a enxergar e brincar.

Eu também sou miope, uso 4 graus de miope em ambos os olhos, comecei a usar óculos aos 18 anos  de idade, mas nestes números o Ramiro saiu na frente disparado logo ao 7 anos de idade... 12 graus! é muita coisa!

Mas graças a tecnologia podemos enxerga com tranquilidade, usando um belo e estiloso de um par óculos.

Hoje óculos é item de moda, tem muitas pessoas que usam a armação apenas como adereço... Isso mesmo! Usam o óculos sem grau! Só pra f…

MATANDO UM LEÃO POR DIA...

Eu gosto de escrever meu próprios artigos, mas algumas vezes recebemos alguns emails que trazem consigo uma lição de vida tão interessante, que alguns que recebo, passei a colocá-los no Blog. 
Eu estava na casa da Minha Elaine, quando ela começou a ler o texto em voz alta, estando ela sentada no chão na sala. Não posso negar que ela me conhece bem, tenho certeza que ela o fez sabendo que isso iria me chamar a atenção. Pensei... Por traz deste texto tem algo interessante. Assim que ela terminou o texto, falei: Manda pra mim por favor?
Bom... Veja o texto na integra...

MATANDO UM LEÃO POR DIA ... Em vez de matar um leão por dia, aprenda a amar o seu. Por Pierre Schurmann
Outro dia, tive o privilégio de fazer algo que adoro: fui almoçar com um amigo, hoje chegando perto de seus 70 anos. Gosto disso. São raras as chances que temos de escutar suas histórias e absorver um pouco de sabedoria das pessoas que já passaram por grandes experiências nesta vida.
Depois de um almoço longo, no qual falamos…